Se você é mãe, você vai entender!

A gente só se dá conta que o tempo realmente passa, quando ele entra na sua casa sem tocar a campainha e te pega só de toalha saindo do banho. A gente sabe que é inevitável e que ele chega para todo mundo, mas olhar para trás e ver que nada mais daquilo volta, é, muitas vezes um motivo para derramar baldes de lágrimas. Seja de alegria ou de tristeza. Às vezes eu deito na cama da minha filha mais nova e tenho quase que a certeza que não terei mais um bebê na minha casa, na minha vida. Minhas filhas parecem crescer mais rápido que a velocidade da luz, e a impotência de dar um pause às vezes me deixa em pânico! Meu bebê não chupa mais bico. Nem usa mais fraldas. Eu perdi a “manha” de fazer papinha e não sei mais empurrar um carrinho direito.

Quando estamos dentro da situação nos sentimos no meio de um tornado. E quando ela passa, nos sentimos quase que seres humanos inúteis. Eu não preciso mais acordar duas vezes por madrugada e isso ainda me soa um pouco anormal. Elas ainda são crianças, mas eu olho nossas fotos nos porta retratos espalhados pela casa e me vejo daqui há 10, 20 anos lembrando desse presente e enchendo o coração de saudades e felicidades. Todas as fases são boas. Todos os momentos -até os ruins- a gente precisa passar para levar para sempre dentro do peito. A maternidade é isso mesmo, um baú eterno de amor, aprendizados, conquistas, algumas derrotas e muitas, muitas saudades.

Eu curto os dias com as minhas filhas como se eles fossem os últimos. Afinal elas nunca mais terão 6 anos, 2 meses, 13 dias e 9 horas de vida. Na pele macia já nasceram sinais, meu departamento de compras já saiu do bebê e passou para o kids, as mamadeiras deram lugar para os copos e os berços liberaram espaço para as camas. O rosa bebê se tornou rosa pink e o leite virou nescau. Se eu conseguisse expressar em palavras o sentimento incrível que é crescer e viver ao lado das minhas filhas, eu tenho certeza que faria a mais egoísta das criaturas ter vontade de se dedicar a alguém além dela mesma. Em suma eu posso dizer com todas as letras: não existe nada -NADA- no mundo melhor que a maternidade!

texto sobre maternidade suh riediger filhas vitta e martina fashion kids mom life

Anúncios

2 pensamentos sobre “Se você é mãe, você vai entender!

  1. Texto bem lindo e concordo com você minha filha tem 21 dias e parece que foi ontem que ela estava dentro de mim estou completamente apaixonada!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s