E você, entende seu filho?

Dia desses eu postei  aqui uma entrevista que dei para a Carol, uma das perguntas que ela me fez era: qual seu livro do momento? Foi impossível não citar “Nossos filhos são espíritos”. É o tipo de livro que da pra ler em 2 dias, de tão interessante e fácil leitura! De todo o conteúdo interessantíssimo que o livro tem, o que eu mais gostei foi o foco do autor na questão que precisamos entender que nossos filhos são espíritos completamente diferente de nós, podemos gostar de sal e eles de açúcar. Que por mais que a gente queira que eles usem branco, podem querer usar preto.

Vejo muitas mães inconformadas que seus filhos não obedecem ou não correspondem às expectativas; uma coisa é fato: para todas as questões, seu filho terá uma hora certa para amadurecer. Pela segunda vez essa semana eu tentei tirar o bico da Vitta, ela é apegadíssima no bico, já tivemos uma tentativa no início do ano que não deu certo, achei que agora ela já estaria madura para entender melhor que cresceu e não precisa mais dele. Engano meu. Na noite retrasada ela dormiu sem bico, mas chorou e acordou a noite inteira, leia-se INTEIRA! Rs… Na noite passada tentei novamente (ela usa o bico somente pra dormir) e pelo decorrer da noite, ela seria igual ao que foi a outra.

Ela sofreu, chorou, ficou de castigo, não comeu, perdeu a boneca e ficou transtornada, muito transtornada. Até que quase no final da noite antes de dormir ela quase teve uma parada respiratória de tanto chorar (motivo pelo qual eu desisti da primeira missão de tirar o bico dela), então totalmente estressada, eu cedi. Pelas atitudes e sentimentos dela eu percebi que não era birra, que ela não estava fazendo para me testar, entendi que ela realmente ainda não amadureceu o suficiente para deixar de lado o bico. Pra que tanto sofrimento por uma coisa tão pequena?

Cada dia ela cresce um pouquinho, cada dia ela aprende uma coisa nova. Para tirar a fralda foi tão fácil que eu pensei que era mentira! Ela nunca fez xixi no chão e nem na cama, eu quase não acredito nisso. E foi exatamente por essa experiência que hoje eu sei que pra tudo na vida dela vai existir o momento certo, não importa o que os outros (ou eu mesma) pensem, ela é uma pessoa que também tem seus limites.

Mamães, é muito importante sabermos entender as liberdades e também as dificuldades de nossos filhos, nem tudo vai acontecer no momento em que queremos, e eles nunca serão exatamente como sonhamos. Nossa missão é acima de tudo, entendê-los para proporcionar a melhor educação possível. Mas isso jamais irá fazer deles “imperfeitos”! Afinal, tem amor maior que de mãe?

vitta blog vittamina suh riediger short jeans cintura alta schutz camisa de pois camisa de poa all star vermelho cano alto isabela capeto para carinhoso arco com flor noruega baby PB

Anúncios

8 pensamentos sobre “E você, entende seu filho?

  1. Oh meu Deus, até enchi o olho de água aqui… Lindo texto, concordo plenamente! E se serve de consolo larguei meu bico p/ dormir só aos 7, hehehe. E me considero uma pessoa normal hoje, rs. Então deixa rolar Suh, aos poucos ela vai se desvencilhando naturalmente sim 😉 Bjos p/ vcs!

  2. Suh, to emocionada … Rsrar . Realmente nossos filhos são diferentes e tem limites. Estou passando a mesma situação com o Arthur , e ainda escutar as pessoas falaren ele ainda chupa bico e ele ainda usa fralda? as vezes tira Agte do serio… Bjos

  3. Suh que lindooo… tbm fiquei emocionada com esse texto… tbm tenho uma baby, e sei que ainda teremos muitas coisas pra passar juntas, e agora fiquei com uma super vontade de ler essse livro tbm… com certeza será a minha proxima aquisição =) Bjinhuss

  4. Oi Suh! Também ja li esse livro e amei! Um outro que acabei de ler e que é igualmente maravilhoso e esclarecedor é o Crianças Cristal da Ingrid Cañete. Recomendo muito, é maravilhoso. Bjus

  5. Menina, é verdade mesmo, também tô nessa de tirar a chupeta, meu filho já vai fazer 4 anos, é como se ela fizesse parte dele, pois ela está com ele desde que nasceu, ele não sabe o que é viver sem ela. Vai ser difícil, mas quem sabe até o final do ano. Adorei tudo que vc compartilhou e acho super válido, obrigada…bjos.

  6. Oii Suh, lendo esse texto lembrei da minha mãe contando como fez com que eu largasse o bico.
    Ela propôs uma troca, se eu largasse ganhava uma boneca que queria muito. Feita a troca ela disse que chorei por uma semana inteira mas que ela foi firme e não me devolveu o bico. Até que ao fim da semana eu “esqueci” do tal bico e não chorei mais.
    Mas como vc disse cada mamãe sabe o que é melhor pros seus filhos né.
    Achei interessante compartilhar a minha história, as vezes é bom ter novas idéias haha 🙂
    Parabéns pelo texto, pelo blog e pelas princesas!! Entro tooodo dia pra ver se tem post novo!! Hahaha
    Beeijos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s